Garoto foi encontrado aos 7 anos andando pelas ruas de Gurupi.
Casal soube da história e resolveu que era a hora: ‘Ele foi feito para nós’.

Adolescente foi adotado após seis anos de espera, em Gurupi (Foto: Arquivo Pessoal)
Adolescente foi adotado após seis anos de espera, em Gurupi (Foto: Arquivo Pessoal)

Após ser abandonado pela família e passar mais de seis anos na fila de adoção, em Gurupi, sul do Tocantins, um adolescente, de 13 anos, finalmente ganhou um novo lar. O garoto foi adotado e terá dois pais. Christian Sebastian, 24 anos, e Natalino Ferreira, 34, são de Maringá (PR). Juntos há mais de dois anos, eles contam que sempre tiveram vontade de adotar, independente da idade. Agora, os três vivem um sonho: “Deus fez ele para nós”, comemora Natalino.

O paranaense conta que se casou com Christian em setembro deste ano. Logo depois, souberam da existência do adolescente, que vivia em um abrigo em Gurupi. O menino foi parar no local aos 7 anos após ser encontrado por policiais perambulando pelas ruas da cidade.

Na época, ele foi entregue ao Conselho Tutelar. O órgão disse que a mãe dele cumpria pena na Cadeia Feminina de Figueirópolis e expunha o filho à situações de risco e maus tratos. Por causa disso, ela perdeu a guarda do adolescente. O garoto, então, foi encaminhado para um abrigo em 2010. Desde então, nenhum membro da família se dispôs a reaver a guarda do menor, segundo a Defensoria Pública do Tocantins.

Clique aqui para ler a matéria completa.